Park City Divulga nova Temporada

No final do mês de setembro foi realizado  jantar promovido  Park City Chamber of Commerce and Visitors Bureau em São Paulo e também houve uma degustação  de whisky do premiado High West produzida na propriedade da Park City  em Utah conduzida por Derivan Ferreira de Souza.
Estavam presentes no evento , Zach Fyne, Gerente Internacional de Marketing e Vendas do Park City Chamber of Commerce and Visitors Bureau Brenda Lythle, Gerente Internacional de Vendas da estação Park City Mountain Resort Marilyn Stinson, Gerente Internacional de Tours e Viagens da estação Deer Valley Resort John Bagley, Gerente Sênior de Vendas Lazer do hotel Waldof Astoria Park City
Tyler Landers, Diretor de Vendas Lazer da rede de hotéis Stein Collection.
Com intuito de divulgar nova temporada  de  17 de novembro e segue em atividade até 8 de abril, é dono da maior área esquiável da terra do Tio Sam, em que 2.954 hectares de terreno montanhoso estão forrados de pistas de esqui e snowboard de todos os níveis. Já a estação de Deer Valley Resort, voltada apenas a esquiadores (ou seja, é vetada a praticantes de snowboard) e cuja temporada vai de 2 de dezembro a 8 de abril, frequentemente ocupa o topo de diversos rankings turísticos nos Estados Unidos, como os que medem a excelência do serviço prestado aos visitantes e a qualidade dos restaurantes.
Editorial Use Only – Must credit the Park City Chamber of Commerce and Visitors Bureau and Mark Maziarz
Nesta temporada ark City oferece mais os  shuttles frequentes partindo do aeroporto de Salt Lake para lá, e é possível explorar a adorável cidade com sua frota de ônibus e trolleys gratuitos, bem como com o transporte providenciado pelos hotéis, sistemas como Uber e Lyft e, claro, os táxis convencionais.
Outra boa notícia é que, em junho de 2017, seis ônibus que rodam sem emitir poluentes foram integrados ao transporte público local, operando uma rota non-stop entre Kimball Junction e Old Town, onde fica a graciosa Main Street, a rua mais famosa de Park City, repleta de bares, restaurantes e lojas e para onde todo mundo vai depois de um dia de diversão na neve. Com isso, a cidade tornou-se o primeiro destino de montanha da América do Norte a contar com uma frota de ônibus amigos do meio ambiente.
Outra novidad o  Park City entra em mais uma temporada apresentando empreendimentos desse gênero repaginados ou novos em folha, com destaque para o segmento de luxo. O residencial One Empire, o qual propicia acesso imediato às encostas de Empire Pass, no complexo Deer Valley Resort, estreia neste inverno exibindo apartamentos espaçosos e decorados de maneira clean e contemporânea, com destaque para as amplas janelas que permitem a entrada de luz natural e, claro, descortinam altos visuais das montanhas.
winterballon Park City
Entre as pérolas da hotelaria local, o Grand Summit, em Canyons Village, passou por uma revitalização que consumiu US$ 15 milhões, enquanto o Waldorf Astoria Park City construiu um novo salão e transferiu sua academia para uma área anexa à grande piscina externa. O icônico lodge de estilo europeu Goldener Hirsch ganhou uma ala residencial, mesmo caso do emblemático Stein Eriksen, cujas Residences of Stein Eriksen Lodge também oferecerão a experiência de ski-in/ski-out aos ocupantes. Além dessas caras propriedades, é possível encontrar nos dois complexos invernais de Park City toda sorte de meios de hospedagem, de simpáticos bed & breakfast e apartamentos de temporada a hotéis para todos os estilos e bolsos, que totalizam cerca de 10 mil acomodações. Para pesquisar as opções disponíveis, consulte o link http://www.visitparkcity.com/visitors/lodging-hotels/.
A oferta gastronômica de Park City também é democrática, reunindo cerca de 150 restaurantes e bares que refletem variados estilos e influências culinárias, onde dá para provar dos típicos burgers e steaks à autêntica comida da montanha, passando pelas gastronomias mexicana, italiana, japonesa, francesa, indiana… Muitos estabelecimentos bacanas ficam na Main Street. É o caso do Chimayo, cujo cardápio buscou inspiração no México e oferece drinques caprichados, e do Riverhorse on Main, que tem distinção máxima em diversos guias de gastronomia. Já para saborear fondues e outras delícias que combinam muito bem com o frio, o premiado Goldener Hirsch Restaurant é uma das melhores pedidas. Entre as novidades, destaque para o APEX Steak, que está abrindo as portas no hotel Montage Deer Valley. Especializado em carne, o restô fica no alto da montanha Empire Pass e, além do ambiente lindo, revela vistas arrebatadoras de Deer Valley Resort.
Para algo mais descontraído e realmente com estilo de après-ski – tradicional maneira de celebrar o dia de atividades na neve -, boas dicas são a High West Distillery & Saloon, famosa pela produção de uísques e vodca; a Wasatch Brew Pub, que fabrica cerveja artesanal; e o lendário bar No Name Saloon and Grill. Informações completas sobre esses e todos os bares e restaurantes locais estão no link http://www.visitparkcity.com/visitors/restaurants/.
Para deixar completa sua passagem pela região, o turista precisa conhecer um último símbolo de Park City: o Utah Olympic Park, que recebeu diversas competições durante as Olimpíadas de Inverno de 2002, sediada em Salt Lake City. As instalações do complexo podem ser visitadas em tours guiados e também há dois museus no pedaço, mas a atividade mais bacana por ali é a descida no “carrinho” de bobsled, um dos esportes mais populares e representativos dos Jogos Olímpicos de Inverno.
Para mais informações, acesse http://www.visitparkcity.com/.
Compartilhe nas redes sociais!

0 Comments Join the Conversation →


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *